Problemas de comunicação

Depois de uma discussão, marido e mulher ficaram sem se falar. Comunicam-se, no entanto, através de bilhetinhos escritos à mão. Ele escreve um bilhete à mulher: "Acorda-me às sete horas da manhã".
No dia seguinte, quando ele acorda, já são onze horas. Ao seu lado está o seguinte bilhete:
"São sete horas. Levanta-te, seu preguiçoso!"

Casamento por interesse?

Num dia de muito calor, o marido sai do banho todo nu e pergunta à esposa:
- Hoje está mesmo muito calor. O que achas que os vizinhos dirão se eu for cortar a relva assim, completamente nu?
A mulher olha pra ele e responde:
- Provavelmente vão dizer que eu casei contigo por dinheiro!

Visita da sogra

A sogra vai visitar a filha e o genro. Toca a campainha, o genro abre a porta e exclama:
- Sogrinha! Há quanto tempo que não aparece! Quanto tempo vai ficar desta vez?
A sogra, pretendendo ser gentil:
- Oh, meu genro, até vocês ficarem cansados de mim!
O genro responde:
- A sério? Nem sequer vai tomar um cafezinho?

Pedido de casamento?

Ele para Ela:
- Eras capaz de casar com um homem estúpido, mas rico???
- Fazes essa pergunta por curiosidade ou estás a pedir-me em casamento??

Lista de casamento

Um casal de idosos, o Sr. Alcides, com 97 anos, e a Srª Gertrudes, de 91 anos, decidem casar-se.
Então decidiram ir a uma farmácia, começando a fazer perguntas ao farmaceutico:
Sr. Alcides: - Boa tarde... por acaso vocês vendem comprimidos para a diabetes?
Farmaceutico: - Sim... temos sim senhor.
Srª Gertrudes: - E para as artroses?
Farmaceutico: - Sim... também temos.
Sr. Alcides: - E para as tensões altas?
Farmaceutico: - Sim... temos, aqui na farmácia temos todo o tipo de medicamentos.
Srª Gertrudes: Alcides, querido... é aqui que vamos fazer a nossa lista de casamento!


| 1 | 2 | 3 |
2 de novembro
"O bom casamento é um eterno noivado"
Theodor Körner (1791-1813)

"O amor torna tudo brilhante, agradável e vantajoso. O amor é o vaso que contém alegria!"
Madre Teresa de Calcutá (1910-1997)

"A ausência está para o amor como o vento para o fogo; extingue o pequeno e aviva o grande"
Bussy-Rabutin (1618-1693)

"Conservar algo que possa recordar-te seria admitir que eu pudesse esquecer-te"
William Shakespeare (1564-1616)


pub.
Guia de Empresas
 

pub.



home | adicionar aos favoritos | contactos | powered by arkis